25 de mar de 2008

Assim como você

Assim como eu

Diz que eu sou especial
E diz mais uma vez pra eu
Ter certeza que ouvi certo
Diz que sonhou comigo noite passada
Diz que quer estar comigo essa noite
Acorda e pensa em mim amanhã
E jura... jura que falou só a verdade
Jura que é tudo assim expontâneo
Jura que te faço bem
Assim como você me faz.

Se isso te faz bem...

Amém

Venha! Venha ver sorrir
Aquele que te fez chorar
E sofre de novo
E chora mais uma vez
Se isso te faz bem, amém!

7 de mar de 2008

Pode ser, quem dera...

Vem me ser

Sobe aqui, que chove lá fora
Vem degrau por degrau que é
Pr'eu me embelezar pros
Seus olhos cegos de mim e
Me espera no mesmo lugar
Aquele nosso que guarda o
Seu cheiro, seu toque,
Seu senso e seu caminhar
Aquele nosso que guarda o
Seu cheiro, seu toque,
Seu senso e seu caminhar

Mas vai correr atrás do tempo e vê
Que o sonho que eu tive se encerra
A verdade desperta e eu cansei de acordar
Que o sonho que eu tive me encerra
A verdade desperta e eu não pude evitar

Pode ser, quem dera, vem me ser
Me encantei, já era, eu e você
Me entreguei, já era, eu e você.

1 de mar de 2008

Belas sensações

Amanhã, sorrir

Ontem eu pedi pra sorrir de novo
Não sorrir como quem ri das coisas
Sorrir por sorrir, a toa, sem razão,
Sorrir por estar feliz, de coração

Alguém me fez esse favor
Palavras vão, palavras vem...
Em um minuto tudo está tão bem

Belas sensações a cada teclar de letras
E hoje o que sou me revela o espelho
Veja as estrelas... morrem e continuam vivas
Nesse doce mesclar de saudade e solidão

Seja bem vinda ao meu mundo
Seja bem vinda a meu presente
Me deixa fazer parte do seu futuro?