4 de mai de 2008

Flashs

Espetáculo de absurdos

Foi somente uma piada sem graça
Pra animar um espetáculo de absurdos
Os artistas se esconderam atrás do vermelho
O público foi embora sem aplaudir
E todos os flashs foram em vão.

6 comentários:

kallani disse...

nada é em vão.

Lívia disse...

Leo, ano passado trabalhei o texto poético no 2º Bimestre, esse ano ele foi programado para o 3º. Vou usá-los com certeza, estou ansiosa para isso. Eu adoro seus textos de de verdade. Amei 'O que vem', 'Ao acaso', e aquela que fala do cheiro das coisas. (são minhas prediletas). Vc tem muito talento. Mas vc está bem? Parece que está decepcionado...

Lívia disse...

Nada como renovar. É isso aí!

«« ڱemöґïvö »» disse...

=O
Impressionada*

Muitas interpretações se pode fazer através dete peqeno texto que pra mim mais parece uns labirtintos que se perde e se encontra os caminhos.
Mas o que mais me intriga e o q vc estaria pensando ao colocar estas palavras aqui. Isso sim me faz sempre pensar e refletir nos blogues.
Abraço

Ray

Lih disse...

Sempre que leio seus poemas eu penso "Poxa... eu gostaria de ter escrito isso".
Parabéns, querido.
Mais uma vez, fantástico.
:*

信用代款 disse...

銀行貸款,
信用貸款,
房屋貸款,
二胎房貸,
汽車貸款,
企業貸款,
上班族信用貸款,
整合負債貸款,
通信貸款,
房屋轉增貸,
法拍屋代墊款,
中小企業貸款,