21 de fev de 2008

Papel qualquer...

Ao acaso

Vem mais uma vez
Diz pra mim o que restou
Dos meus versos feitos ao acaso

Eu sei que merece muito mais
Que um papel qualquer
Cheio de frases desconexas

Mas eu sou comum demais
Pra fazer muito melhor que isso
Me aceita assim?

5 comentários:

Ana Paula disse...

Ah, vc é amigo da Lih! Vim agradecer o que você me escreveu. E lendo o que você escreve, fiquei até sem graça... Bonito é o que você escreve, moço!

Beijos!

««§εмф†ϊvф»» disse...

Vc se acha comum, mas neste adjetivo, vc não estáincluído mesmo.

Se todos fossem como v... ai ai, nossa vida já inha melhorado.

Adoro eus poemas. e as fotos, dão um sentido todo especial.

Grande beijo

Ray

Yádini Winter disse...

que amor (:

Lih disse...

Que lindo.
Lindo, lindo, lindo.
De verdade.

Me desmancho lendo o que você escreve, Leonardo!

Beijão

信用代款 disse...

銀行貸款,
信用貸款,
房屋貸款,
二胎房貸,
汽車貸款,
企業貸款,
上班族信用貸款,
整合負債貸款,
通信貸款,
房屋轉增貸,
法拍屋代墊款,
中小企業貸款,